Ir para conteúdo

  • Entrar usando o Facebook Entrar usando o Twitter Entrar usando o Windows Live Login com Steam Login com Google      Entrar   
  • Cadastre-se

Ícone Classificados

Adicionar um Anúncio

Redes Sociais

Membros mais bem avaliados

Membros VIP mais recentes


Foto
* * * * * 1 votos

Review monitor 23" LED AOC e2351fh (detalhado)


  • Por favor, faça o login para responder
85 respostas neste tópico

#1 alb3530

alb3530
  • Membros Plenos
  • 38 posts
  • Membro desde 04/01/2008
12
Boa
  • Porto Alegre, RS

Postado 24 de dezembro de 2012 - 03h25min

Como não achei nenhuma informação mais detalhada deste modelo, decidi fazer um review completo dele.


Pesquisa:

Inicialmente, minha ideia era adquirir um monitor de 23 polegadas em substituição ao meu antigo AOC 712Sa , de 17", que teve problema no suporte.

Pesquisando um pouco preços e características, reduzi as possibilidades a 3 modelos:

AOC e2351fh
LG IPS236V
Samsung Sync Master S23B550


O LG IPS236V era o principal candidato, pois tinha como principal vantagem o painel IPS, que garante reprodução mais uniforme das cores em ângulos maiores.
Porém, duas desvantagens deste tipo de painel é o alto tempo de resposta (12 ms no site onde vi) e um efeito bastante desagradável chamado "Backlight bleeding", que é o vazamento da luz de fundo, notado principalmente se o monitor estiver exibindo uma tela totalmente preta em um ambiente escuro.


Devido a estes fatores serem "graves" (pelo menos pra mim), descartei o LG.

Então fiquei na dúvida entre o Samsung Sync Master S23B550 e o AOC e2351fh.

Pesquisando sobre o S23B550, e comparando-o rapidamente com o e2351fh, a situação foi a seguinte:


-O S23B550 possui auto-falantes embutidos, e duas entradas HDMI
-O e2351fh é muito fino, pode ser usado sem suporte, e possui entrada DVI

Indo mais a fundo nos detalhes, pesquisei primeiro sobre o Samsung.
Nos reviews que li, o S23B550 é dito não reproduzir fielmente as cores, como se houvesse predominância de certa cor, sendo que os vários ajustes disponíveis nos menus foram testados, e não resolveram o problema.
Outra coisa que li, e que contou para que eu desistisse do S23B550 foi o fato do preto não possuir profundidade (do review que li: "The black's lack of depth is particularly visible too")

Como só restou o AOC e2351fh, pesquisei bastante sobre ele.Dos reviews que li (apenas reviews de sites especializados, e não de usuários), nenhum apresentou algum problema que pudesse ser considerado grave sobre esse monitor, tais como vazamentos de luz de fundo, cores pendendo para vermelho/azul, ou fantasmas na imagem.
O pior que li em um review dele dizia que "as cores não eram tão vibrantes quanto as de outros modelos que testamos"

A falta de pontos contra, e também o design foram os fatores mais determinantes para que eu optasse pelo modelo da AOC.

A presença de 3 conexões diferentes também foi considerada.Poderia haver alguma desvantagem da conexão HDMI para as outras, já que é uma conexão digital que também áudio e vídeo.
E eu não iria mesmo utilizar o áudio, pois dificilmente, a qualidade iria ser igual à do dispositivo de áudio padrão da placa-mãe que, assim como a maioria das placas-mãe, chega aos 192khz (24 bit).
Além disso, se a conexão HDMI possuísse algum ponto fraco, pelo menos o DVI estaria lá também.


Com base nisso, você vai ler abaixo talvez o mais detalhado review do AOC e2351fh existente na internet até o momento.

Especificações (tiradas do manual e da página da AOC):


Tamanho da tela: 23
Tipo de tela: LCD TFT
Tipo de iluminação: LED
Tamanho da imagem visível: 58.42cm
Pixel Pitch 0.265(H) x 0.265 (V)mm
Área do display 509.76(H) x 286.4 (V)mm
Brilho: 250 cd/m2
Contraste (típico) 20000000:1 (com DCR)
Tempo de resposta (típico) 2ms
Ângulo de visão: 170/160 (CR >=10)
Frequência de varredura: H: 30K~83KHz V: 55~75Hz
Frequência de pixels: 144MHz
Resolução nativa: 1920×1080@60Hz
Cores: 16.7 Milhões
HDCP: Sim
Sinal de entrada: RGB (analógico), DVI-D e HDMI
Conectores de entrada: D-Sub 15 pinos , DVI 24 pinos e HDMI
Alimentação: 12VDC,3A
Consumo: Ligado: menor do que de 32W (Típico), Standby: menor do que 0.5W
Plug & Play DDC 2B/CI ou VESA DDC2B™
Controles: Eco/Left, Aspect ratio/Right, Source/Auto, Power
Idiomas do OSD: 16 (incluindo português)
Auto falantes: Conector para fone de ouvidos
Segurança e regulamentações: BSMI,VCCI,PSE,J-MOSS,MEPS,KCC,e-standby,CCC, FCC, cCSAus, CE, TUV-S, TUV-Bauart, EPA 5.0,Windows 7,TUV-Gs, RoHS
Wall-Mount (montagem na parede): Não
Cor: Preto
Função mecânica: Inclinação: -3°~25°
L×A×P (com a base)mm 550.5 x 409 x 193.7
L×A×P (embalagem)mm 609 x 414 x 113
Peso: 2.478 kgd


Design e aspectos físicos:

Começando pelo design, uma característica que chama a atenção é a espessura do painel: apenas 10,6 milímetros, o que também garante que o monitor seja leve.

Imagem Postada

Na frente do painel, existem 5 botões que são acessados por toque capacitivo, ou seja, basta tocar com o dedo, sem exercer pressão.
Isto é ótimo, pelo fato dos botões não serem mecânicos, o que evita que os botões se desgastem com o passar do tempo.

No entanto, os botões não possuem iluminação alguma, tornando o manuseio no escuro bastante difícil.

As conexões disponíveis ficam atrás do painel, o que facilita a colocação dos cabos, mas ao mesmo tempo praticamente impossibilita a montagem na parede.
Este modelo não possui encaixes para parafusos na parte traseira, exatamente por não ser preparado para montagem na parede.

A base que o monitor possui é redonda, e o suporte que liga a base no monitor é bastante fino, fazendo com que o monitor balance facilmente em relação à superfície.
A sensação que se tem é que, a longo prazo, o suporte possa quebrar se o monitor balançar constantemente.

Isso não chega a ser uma preocupação pra quem não irá usar o suporte, por que o e2351fh é multifuncional: ele pode ser montado diretamente sobre a superfície, sem o suporte.

Esse é um diferencial deste modelo, e particularmente achei bem bacana.Montado desta forma, ele praticamente não balança em relação à superfície.

Imagem Postada

Recursos e menus:

Os ajustes possíveis no e2351fh são, na maioria, aqueles disponíveis em quase todos os monitores.

A navegação é fácil.
Existem 5 botões no painel frontal, dispostos um ao lado do outro:

1° - Source/Auto/Sair
2° - < / ECO
3° - > / 4:3/Wide
4° - Menu / Enter
5° - Power


O 4° botão entra no menu, e é o mesmo utilizado para selecionar os itens.
O 2° e 3° botões navegam para a esquerda e direita respectivamente.Nos ajustes, eles diminuem e aumentam os valores.
O 1° botão sai do ajuste / menu


Estes são todos os menus disponíveis no e2351fh: (estão em inglês)

http://i46.tinypic.com/lzd5t.png

No menu "Ajuste de Imagem", é possível ajustar brilho e contraste (ambos de 0 a 100, em incrementos de 1).

O interessante aqui é que o ajuste de brilho apenas controla o nível da luz de fundo que ilumina a tela, e o contraste é o brilho (não da iluminação, mas da tela mesmo).
O brilho no nível mínimo não chega nada perto de desligar totalmente a iluminação, mas é bem suave para se usar o monitor no escuro.Eu, pessoalmente, não gosto de usar no escuro, independentemente do monitor.


Neste mesmo menu, ainda existe o "ECO Mode", que nada mais são do que ajustes pré-definidos de brilho e contraste.
Existem 5 ajustes pré-definidos:
Texto, Internet, Game, Cinema e Esporte.

Respectivamente, estas opções representam níveis de brilho de 20, 40, 60, 80 e 100.Para todas elas, o contraste é sempre 50, que é o valor padrão.

Há ainda uma sexta opção, chamada "Padrão", que é o ajuste manual.Este ajuste permanece salvo, mesmo trocando de um modo ECO para outro.

As duas opções finais do menu "Ajustes de Imagem" são Gama (3 níveis pré-definidos) e DCR.

O DCR (Dynamic Contrast Ratio) é uma das características mais visadas no marketing pelos fabricantes, onde níveis de contraste absurdos são prometidos.
No caso deste modelo que estamos analisando, a taxa contraste em DCR prometida é de 20,000,000:1.
Para quem não sabe (eu não sabia, até ver ao vivo), o que o DCR faz é simplesmente reduzir ou aumentar pelo menos o brilho da luz de fundo automaticamente de acordo com a imagem:
Na predominância de cores escuras, o nível de brilho diminui e em cores mais claras, ele aumenta.
No caso do e2351fh, esse ajuste é feito muito suavamente, tanto que, na transição de uma tela totalmente branca para uma totalmente preta, o DCR demora em aprox. 7 segundos para escurecer a tela ao máximo que ele pode.

Pessoalmente, eu não vejo utilidade neste recurso, dada a demora com que é feito o ajuste. (A forma como o DCR funciona pode variar de acordo com o modelo do monitor.)

O próximo menu, chamado "Config. Imagem", só está disponível para a conexão D-SUB (analógica), pois possui ajustes que servem para compensar algumas deficiências que não existem nas conexões HDMI e DVI.
Neste menu, é possível ajustar clock, foco, posição horizontal e posição vertical da imagem (estes 4 ajustes vão de 0 a 100, em incrementos de 1) e a nitidez (0 a 100, em incrementos de 10).
Em condições normais, se utilizar a entrada analógica, o ajuste automático do monitor deve definir os melhores valores para estas opções, não necessitando intervenção manual.
O único ajuste que mexi utilizando a conexão D-SUB foi a nitidez, aumentando de 50 para 60.A nitidez é a única opção deste menu que não é afetada pelo ajuste automático.


No menu "Config. Cor", existem opções para ajuste de níveis de cor.
Na opção "Ajuste de cor", é possível escolher entre 4 níveis pré-definidos, que afetam os níveis RGB:

Quente: Vermelho: 100, Verde: 100, Azul : 100 (este é o padrão)
Normal: Vermelho: 97, Verde: 92, Azul : 100
Fria: Vermelho: 90, Verde: 87, Azul : 100
sRGB: Vermelho: 100, Verde: 100, Azul : 100 (brilho, contraste e gama também são afetados)

Note que a opção chamada "normal" não é normal.
A opção "sRGB" é igual à "Quente" no que diz respeito aos níveis de RGB, porém, ela ajusta o contraste para 50, brilho para 90, e gama para "Gama 1", fazendo com que estes 3 ajustes fiquem indisponíveis no menu "Ajustes de Imagem".



Além dos 4 níveis pré-definidos, existe a opção "Usuário", onde é possível ajustar manualmente os níveis de vermelho, verde e azul, cada um de 0 a 100, em incrementos de 1.
Um detalhe interessante é que, diminuindo todos no mínimo, a imagem não escurece totalmente.

A próxima opção deste menu é chamada "DCB modo".O DCB (Dynamic Color Boost) visa realçar a imagem com ajustes pré-definidos ou automáticos.As opções disponíveis são:


Realce Geral: realça todas as cores, deixando-as mais fortes.As cores da escala de cinza não são afetadas.
Pele Natural: aumenta os tons de vermelho onde eles existirem
Campo Verde: aumenta os tons de verde onde eles existirem
Céu azul: aumenta os tons de azul onde ele existirem
Auto Detectar: detecta a imagem sendo exibida, e aparentemente, ajusta o contraste, escurencendo o que é claro, e clareando o que é escuro.
Desligar: desativa a função DCB

Dentre os modos DCB, o "Auto Detectar" é bem interessante.Dependendo da imagem, os tons escuros ficam mais profundos, e a imagem fica visualmente mais bonita, e, ao contrário do DCR, o monitor reage rapidamente às mudanças de cores.
Em contrapartida, alguns níveis de cores são afetetados com esta opção, já que o contraste é livremente ajustado pelo monitor.Para imagens reais, não é possível notar a falta de cores específicas durante este modo.
Em caixas de seleção de cor (comuns em programas que lidam com imagens, desenho, gráficos 3D, etc), é possível notar a falta de alguns níveis de cor durante o modo "Auto Detectar".
Particularmente, se não necessitar de fidelidade na exibição de cores, deixando-o ligado faz com que as imagens em geral fiquem mais bonitas.

A opção logo abaixo, "DCB Demo", é exatamente uma demonstração da função DCB: Se ativá-la, a tela fica dividida, sendo que o lado esquerdo fica com imagem relativa ao modo DCB selecionado, e o lado direito fica com a imagem original.É uma opção bem legal para ver o que o DCB faz com a imagem.


O próximo menu, "DCB-Picture Boost", é dedicado exclusivamente ao recurso "Picture Boost":
Picture Boost é uma moldura retangular, disponível em 7 tamanhos diferentes, com ajustes de brilho, contraste, posição vertical e posição horizontal.



Onde a moldura estiver, serão aplicados os ajustes de brilho e contraste, assim realçando a porção desejada da imagem.
O utilização prática desta função é discutível, mas você verá uma utilidade bem mais interessante para este recurso mais abaixo, quando estivermos testando o monitor.

A opção "Área Realçada" liga ou desliga o recurso.
Em "Tam. Imag.Realce", você pode escolher os tamanhos disponíveis para a moldura:
14, 29, 43, 57, 71 (equivalente a 1/4 da tela), 86 (representando metade da tela), 100 (ocupa a tela inteira)

Os ajustes de Brilho e Contraste do Picture Boost vão de 0 a 100, em incrementos de 1.O.
O ajuste de Brilho da moldura, ao contrário do ajuste de brilho principal do monitor, afeta somente a imagem, e não a iluminação.
E o ajuste de contraste da moldura atualmente é um ajuste autêntico de contraste.
De certa forma, se definir a moldura para ocupar a tela inteira, você tem novos ajustes de brilho e contraste disponíveis, totalizando 200 níveis diferentes de brilho e contraste, se considerarmos os ajustes principais e os do Picture Boost.

Colocando o brilho em 36 e o contraste em 37 (ambos no menu "DCB-Picture Boost"), a moldura fica invisível.

Mesmo com 4 ajustes diferentes, se reduzir todos os ajustes para 0 (principal e Picture Boost), mesmo assim, a imagem não fica totalmente preta, mas chega perto.

As duas opções finais do Picture Boost são "Posição - H" e "Posição - V", ambas ajustáveis de 0 a 100, em incrementos de 5.
Estas duas opções controlam a posição da moldura (horizontal e vertical).


O próximo menu, "Config. Menu OSD", possui opções para personalização do OSD.
São elas:

Em "Idioma", existem 16 opções, incluindo o Português, aparentemente PT-BR).
Em "Tempo Limite", é possível definir quantos segundos o menu ficará aparecendo após o pressionamento mais recente de alguma tecla.Esta opção pode ser regulada de 5 a 120 segundos, em incrementos de 5)

As próximas duas opções, "Posição - H" e "Posição - V", servem para ajustar a posição do menu.O ajuste horizontal vai de 0 (o máximo à esquerda da tela) a 100 (o máximo à direita da tela) , em incrementos de 25.
Já o vertical, também ajustável de 0 (o mais abaixo possível) a 100 (o mais acima possível), se move em incrementos de 5.

A opção final deste menu é chamada "Transparência", ajustável de 0 a 100, em incrementos de 25.O nível mínimo representa nada de transparência, mas o máximo não deixa o menu invisível, o que já era esperado.


O último grupo de opções se encontra no menu "Itens Adicionais".
Na opção "Sel. de Entrada" é possível escolher manualmente uma das entradas (D-SUB, DVI e HDMI), como também deixar o monitor em modo automático.
Em modo automático, o monitor aparentemente seleciona de forma automática a entrada que receber sinal primeiro.

A seleção da entrada pode ser feita tanto pela opção "Sel. de Entrada" deste menu, quanto pela tecla Source no painel frontal do monitor.Normalmente, você só utilizará a opção "Sel. de Entrada" para ativar ou desativar o modo automático.
Uma coisa legal é que usar a tecla "Source" NÃO desativa o modo de seleção automática de entrada.Você pode usar esta tecla para selecionar manualmente qualquer uma das entradas e, caso umas das entradas fique repentinamente sem sinal, o monitor alterna para a próxima entrada com sinal.

A próxima opção é "Config Autom.", apenas disponível para a conexão D-SUB.Ela apenas permite que você acione o ajuste automático de imagem (para regular clock, foco, posição vertical e horizontal) quando achar necessário.
Uma coisa a ser observada é que esta opção NÃO desativa o ajuste automático se for colocada em "Não".

A seguir, temos "Desl. Temporiz.", que permite configurar o monitor para se auto desligar dentro de um período especificado.
Os tempo de desligamento só aceitam horas cheias, indo de 00 até 24.
00 significa deixar a função desativada.

Em "Prop.Imagem", é possível ajustar o aspecto da imagem para resoluções com aspecto 4:3 (ex.: 1280 x 1024)
As opções são "Widescreen" (padrão), onde a imagem ocupará a tela inteira do monitor horizontalmente, e 4:3, que faz com que a imagem seja mostrada com o aspecto original, logo com espaços em preto nas laterais.

Se a resolução atual já possuir aspecto 16:9 (Widescreen), "Prop.Imagem" ficará indisponível.

Em "DDC/CI", é possível habilitar ou desabilitar o este recurso, que faz com que o dispositivo conectado ao monitor possa alterar suas configurações, tais como brilho, contraste, níveis de cor, e afins.
O software I-Menu (que vem no CD que acompanha o monitor) só funcionará se o DDC-CI estiver habilitado.

Aa última opção, "Restaurar", restaura o monitor aos padrões de fábrica.O idioma não é afetado por esta operação.



Performance e testes:

Primeiramente, o monitor foi ligado com um cabo D-SUB a uma placa de vídeo NVIDIA GeForce GTX 570 de um PC comum, utilizando um adaptador DVI - D-SUB (já que a placa não possui saída D-SUB)
Ao ser ligado o monitor, aparece o logo da AOC branco em uma tela preta, por aproximadamente 2 segundos.Ao ligar o PC, o monitor faz o ajuste automático de clock, foco e posição da imagem.
O sistema operacional do PC ao qual o monitor foi testado é o Windows 8 Pro with Media Center.
A imagem em si se mostrou bonita em fotos e desenhos, com cores vivas, sem a necessidade de qualquer ajuste.
Apenas o cinza claro (e consequentemente o branco em geral) tende para um tom levemente, mas muito levemente roxo.Isso iremos tentar corrigir mais para a frente.

O vazamento de luz ("backlight bleeding") é muito pouco, e não atrapalha:

Imagem Postada

A foto acima faz o efeito parecer bem pior, mas na realidade, ele é bem mais suave.


Quanto aos textos, eles parecem um pouco "lavados" ou foscos, coisa que não acontecia com o meu antigo monitor, o AOC 712Sa, em 60HZ, ligado da mesma maneira ao mesmo PC.
A solução é ajustar manualmente o Foco, pois pelo menos no meu caso, o ajuste automático não foi eficaz, sendo que ele foi rodado mais de uma vez na mesma imagem, e em todas elas, foi necessário ajustar manualmente o foco (com o valor 47) para reduzir o efeito "lavado" dos textos.


O e2351fh foi testado rapidamente com algumas imagens, vídeos e jogos, não apresentando problemas aparentes, tais como fantasmas e outros artefatos.

Foram realizados então alguns testes mais específicos, para determinar a fidelidade da imagem exibida pelo monitor.Note porém que, NÃO foi utilizado hardware especial nestes testes.
Foram realizados os testes disponíveis no site http://www.lagom.nl/lcd-test/ , que é um dos melhores locais (senão o melhor) para se testar um monitor quando não se tem hardware específico em mãos.
No decorrer dos testes, será explicado como cada um deles funciona, útil para quem não conseguiu entender as instruções disponíveis no site.

A resolução utilizada foi a nativa do monitor (1920 x 1080, 60hz) e, a menos que seja especificado o contrário, todos os ajustes correspondem às configurações de fábrica.

Testes na conexão D-SUB:

No teste rápido de contraste, foi medida a capacidade de exibição de 32 níveis de 7 diferentes cores, variando de tons escuros para os mais claros.Aqui, o monitor se saiu bem, sendo que foi possível diferenciar todos os tons, sem problemas.

http://i47.tinypic.com/2gsn8sh.png

O próximo teste foi o de clock e foco (ou "phase"), onde é avaliada a capacidade do monitor em exibir uma imagem estática específica, que intercala pixels pretos e brancos de uma maneira estratégica, tal que, se os ajustes de clock e foco ("phase") do monitor não estiverem corretos, a imagem será exibida com interferências, que aparecem em movimento.

http://i50.tinypic.com/6roe3k.png

Neste teste, o monitor também não apresentou problemas.O ajuste automático, sempre que executado, ajustou clock e foco corretamente.


Na sequência, a nitidez do monitor foi testada.Este teste consiste no seguinte:
A imagem abaixo é exibida na tela do monitor, e então, se olha fixamente para a barra no centro do círculo, embaralhando a visão o máximo possível.Se o nível de nitidez do monitor estiver correto, todas as listras e padrões da imagem se misturam, virando um perfeito fundo cinza, ficando visível APENAS a barra no centro da imagem e o fundo cinza.
Se a nitidez estiver correta e a gama estiver incorreta, será possível ver o círculo mais escuro ou mais claro que o resto do fundo.
No caso de nitidez incorreta, será possível ver padrões quadriculados.

http://i46.tinypic.com/1087p6a.png

Neste teste, o monitor também passou, sem a necessidade de qualquer ajuste.


O teste de gama foi realizado na sequência.
Nele, existem barras coloridas com diferentes intensidades de luminância: Com 48%, temos as barras vermelha, verde, azul e branca; com 25%, as barras verde e branca, e com 10%, as barras verde e branca.
Deve-se olhar para as barras ou de longe, ou embaralhando a visão, de forma que não seja possível notas as listras pontilhadas.A configuração da gama do monitor é indicada pelo ponto onde todas as listras de uma mesma barra se misturam, formando uma só cor.O completamente correto é que isso sempre aconteça no ponto 2.2 em todas as barras, mas normalmente, se dá prioridade para as 4 barras que possuem 48% de luminância.

http://i48.tinypic.com/1z5hqj8.png

Foram testadas as 3 opções de gama pré-definidas, sempre com contraste em 50, brilho em 90, níveis de RGB todos no 100, e qualquer recurso especial que interfira na imagem desabilitado (tal como o DCR ou o Picture Boost)

No teste de gama, o monitor não se saiu tão bem quanto nos outros testes, embora tenha chegado perto: em 4 das 6 barras ficou na marca correta de 2.2, sendo que na barra azul (48% de luminância), houve um desvio considerável, ficando na marca de 2.5 e, na barra vermelha (48% de luminância), o desvio foi menor, ficando na marca de 2.3.Isso com a opção "Gama" em "Gama 1".
Em "Gama 2", além da imagem ficar mais avermelhada, a situação piora: com luminância de 48%, as marcas foram: vermelha 2.1, verde 1.95, azul 2.1 e branco 2.0.

Nas demais barras, a marca foi de 2.2

Já "Gama 3" se mostrou o pior ajuste: em 48%, temos barra vermelha em 2.05, verde em 1.9, azul em 2.3, e branca em 1.9.Apenas em 25%, as barras ficaram na marca correta.Com 18% de luminância, ambas as barras ficaram na marca de 2.3.

A ideia aqui é apenas testar a gama com os demais ajustes nos valores padrões, portanto, neste teste, não será realizada qualquer tentativa de correção da gama.



O próximo teste é o de exibição de um efeito gradiente.

http://i45.tinypic.com/epqvt.png

Aqui, o esperado é que o monitor consiga exibir a barra com todas as transições de cores aparecendo suavemente, sem listras ou outros artefatos.Ainda, deve ser possível identificar a margem das barras em seus cantos mais escuros, sendo que o fundo onde as barras estão é totalmente preto.

A performance foi satisfatória: as duas barras apareceram com transições suaves, sem efeitos indesejados, e é possível detectar ambas as margens escuras.



A seguir, foi testada a capacidade de exibição de diferentes níveis de cinza.
Neste teste, existem 20 quadrados, cada um com um diferente nível de cinza, representado por um número.
O número significa a intensidade de valor de branco, em uma escala de 0 (puramente preto) a 255 (puramente branco).
O fundo é totalmente preto sendo que o primeiro quadrado é ligeiramente mais claro (1), e os demais 14 quadrados à diante apenas aumentam seu valor em 1 nível em relação ao anterior.
O último quadrado é puramente branco (255)

http://i47.tinypic.com/1zz45ld.png

O que se espera com este teste?Que seja possível diferenciar todos os quadrados entre si, e que todos os quadrados apareçam.
É comum em alguns monitores que o quadrado mais escuro (o que possui o número "1") não apareça (há casos em que o 2 e o 3 também não aparecem).Isso é caracterizado como um problema, pois indica que o monitor não consegue exibir sutis variações de cor.

Com o e2351fh, não houveram problemas neste teste: o monitor pôde exibir todos os quadrados de forma satisfatória, e é possível diferenciar entre o quadrado mais escuro (1) e o fundo (0).


No teste seguinte, foi testada a saturação de branco.É um teste semelhante ao anterior, e inclusive a mesma escala é utilizada no número concedido a cada quadrado.
Em um fundo 100% branco, existem 12 "quadrados" (chamaremos de quadrados apenas por conveniência) do tipo xadrez, cada um com um número, que indica o nível de branco de cada quadrado.
O primeiro quadrado é o 200, o segundo é o 244, e os seguintes são sempre com 1 nível de branco maior que o anterior, sendo que o último quadrado é numerado com 254.
Aqui, o objetivo é o mesmo do teste anterior: deve ser possível diferenciar o nível de branco de todos os quadrados entre si, sendo que o último quadrado (254) deve ser distinguível em relação ao fundo (o fundo possui 255 de branco).

http://i50.tinypic.com/n4fb6b.png

Este teste foi onde o monitor apresentou a pior performance até aqui: Os dois últimos quadrados não aparecem (253 e 254).Isso significa que ele está limitado no número de cores que podem ser exibidas.Alterando as configurações de foco, o quadrado 253 aparece, e às vezes, o 254 aparece também, mas em todos os casos, o 254 sempre aparece como uma espécie de "interferência".
Testando TODOS os ajustes do monitor, foi constatado que simplesmente não há como resolver este problema.Teoricamente, diminuir o contraste deveria adiantar, mas a diminuição do contraste para qualquer nível abaixo de 50 parece apenas reduzir o brilho da tela (e não da iluminação), embora não tive como comprovar isso.
A solução aqui foi reduzir o contraste no painel de controle da NVidia.Infelizmente, para resolver este problema, você fica dependendo das opções disponíveis no dispositivo que está conectado ao monitor.
Caso ele não possua nenhum ajuste, você os tons mais claros de branco não irão aparecer.

Imagem Postada

O próximo teste é o de Inversão (ou "dispersão de pixel"), e testa a estabilidade do monitor diante de certos padrões em xadrez.Nele, existem 11 quadrados, cada um com padrão diferente, todos estáticos.
A ideia aqui é que, em um monitor ideal (!), todos os quadrados devem aparecer completamente estáticos, sem nenhum efeito indesejado (tais como interferências ou "piscões").
Um detalhe é que existem quadrados em duas versões (ex.: 2a e 2b): estes quadrados sao assim pois sua posição na tela determina como eles serão exibidos, mas seus padrões são praticamente idênticos.

http://i48.tinypic.com/10f9ob8.png

Neste teste, o e2351fh se saiu bem: apenas o padrão 7 apareceu piscando (7a ou 7b, dependendo da posição da janela em relação à tela)
É possível notar pequenas interferências em alguns outros padrões, mas é quase imperceptível.



O tempo de resposta foi testado na sequência.Nas especificações, o e2351fh tem tempo de resposta de 2ms mas, infelizmente, os tempos de resposta anunciados pelos fabricantes são aqueles obtidos na transição mais favorável para o modelo em questão.Não há como dizer com precisão o tempo de resposta de um monitor.O que pode ser feita é uma média dos tempos das transições testadas.

Este teste visa medir o tempo de resposta do monitor em 8 diferentes transições escuro-claro (e vice-versa), cujos níveis de branco utilizam a mesma escala dos testes anteriores: de 0 (100% preto) a 255 (100% branco).
Na primeira linha, é medido o tempo de resposta do preto (0) para o cinza escuro (32).
O quadrado desta linha - identificado por "A" - tem a cor de seus pixels alterada a cada 100 milisegundos.Este quadrado deve ser comparado com os 9 quadrados estáticos em sua mesma linha à direita, na tabela central, sendo observado também o número em cima da coluna à qual o quadrado estático pertence.
Preferencialmente, você deve ser afastar um pouco do monitor para facilitar a comparação.
O quadrado estático que mais se assemelhar ao que está piscando determina o tempo de resposta do monitor, que está localizado no topo da tabela central.

http://i50.tinypic.com/3097s08.jpg

Se, neste exemplo, o quadrado "A" piscar e ser semelhante ao primeiro quadrado ligeiramente à direita dele (o mais escuro), significa que o tempo de resposta do monitor na transição 0 - 32 é de 120ms.
O tempo de resposta em si é um atraso, então, trocamos o sinal de "-" (menos) do número que identifica a coluna, tal que "-120" fica "120", para melhor compreensão neste exemplo.

Os tempos de resposta aproximados nas transições testadas foram os seguintes: (os valores estão com os sinais originais)

A: -10
B: -25
C: -60
D: -60
E: -25
F: -25
G: +25
H: +25

Isso mostra claramente que, pelo menos neste teste, quanto maior a diferença entre a cor escura e a cor clara na transição neste monitor, maior o tempo de resposta.No caso de C e D, as transições foram, respectivamente, de 0 a 128 e de 0 a 192, que foi onde o tempo de resposta se mostrou maior.


Foi ainda realizado outro teste relativo ao tempo de resposta, desta vez para avaliar a presença de "fantasmas" na tela durante imagens em movimento.
Similar ao teste anterior, neste aqui é possível analisar a performance do monitor em diferentes transições escuro-claro e vice-versa.
Nele, um objeto composto de barras verticais se move rapida e constantemente, em 60 quadros por segundo, da direita para a esquerda da tela, levando 1 segundo para retornar à mesma posição.
Nos botões da parte superior, é possível escolher entre 7 diferentes níveis de transição escuro-claro.Para garantir a fidelidade do teste, devem-se tirar algumas fotos do objeto em movimento com uma câmera no modo de obturador de alta-velocidade.Se a câmera não estiver neste modo, ela aumentará os fantasmas na foto.
Em um monitor ideal , nenhum fantasma deveria aparecer.Cabe lembrar aqui que barras (fantasmas) seguindo o objeto representam uma transição claro-para-escuro, e fantasmas à frente do objeto representam a transição escuro-para-claro.
Se você quiser um pouco mais de detalhe, cada frame dura 16.67 milisegundos (ms), logo, para cada barra adicional, o tempo de resposta é acrescido de 16.67 ms (isso é apenas um valor aproximado, já que não foi usado hardware profissional neste teste e, dependendo da foto, PODE ou NÃO aparecer fantasmas)

Foram testadas todas as transições, mas para não estender ainda mais o review, foram detalhas apenas algumas, incluindo a de melhor e pior performance.
A câmera utilizada foi a do celular Nokia N8, no modo "sports".

Em 0-255 (preto para branco, e vice-versa), a performance do monitor foi excelente.A olho nú, não é possível ver nenhum fantasma.Nas fotos tiradas, difícilmente é possível ver algum fantasma.

http://i45.tinypic.com/jaz71y.png

A propósito, em todas as transições que envolvem 100% de preto, a performance do e2351fh foi similar, não apresentando fantasmas relevantes.

Nas transições envolvendo cinza, a história muda.Em 128-255, normalmente nas fotos é possível ver dois "fantasmas", isto é, duas barras verticais adicionais que acompanham o objeto.Na metodologia do teste, isso significa que o tempo de resposta é de - simbolicamente - 33.34 ms, bem diferente dos 2ms que constam nas especificações.A performance do e2351fh foi constante aqui, ficando praticamente a mesma em todas as fotos que foram tiradas, com diferenças não relevantes.
Talvez a AOC usou transições preto-para-cinza para determinar o tempo de resposta do monitor, já que isso atualmente favorece este modelo.
A olho nú, é possível ver duas barras seguindo o objeto (tanto em cima quanto em baixo)

Para conferir ainda mais realismo ao teste, foi repetido o teste, mas desta vez, dado zoom de aproximadamente 700% no navegador, a fim de deixar o objeto gigante e a sua velocidade ainda maior, consequentemente deixando os fantasmas mais aparentes.Em jogos, os objetos podem ter diferentes tamanhos, então é interessante testar este aspecto.

Na transição 0-255, com um zoom de 700%, foi notada a presença de fantasmas, mas apenas uma barra adicional aparece.No entanto, o monitor consegue a façanha de não exibir nenhum fantasma em algumas fotos, conforme você pode ver abaixo:

http://i50.tinypic.com/2hrlimw.jpg


Na transição 128-255, a melhor performance (considerando aproximadamente 15 fotos tiradas) foi de 3 barras grandes seguindo o objeto, e duas barras pequenas abaixo.

Imagem Postada

A pior performance obtida foi de 1 barra grande à frente e 3 atrás, estando abaixo 1 barra pequena à frente e 4 atrás.
A olho nú, percebe-se 2 barras grandes superiores e 2 pequenas inferiores.



O próximo teste é o de atraso de entrada, que é o atraso que o monitor apresenta para exibir o sinal que foi enviado pelo dispositivo.
Procede-se da seguinte maneira: são conectados dois monitores na mesma placa de vídeo, e o sistema operacional é configurado para duplicar imagem nos dois monitores.
Então, é dada partida em um cronógrafo de alta precisão e com alta taxa de atualização (que roda no navegador) e então é tirada uma foto dos dois monitores, utilizando preferencialmente uma câmera com obturador de alta velocidade.
O monitor que apresentar o tempo inferior no cronógrafo que está sendo mostrado é o que tem o maior atraso de entrada.

Limitações deste teste: o correto é comparar o monitor alvo do teste com um CRT, já que monitores CRT não possuem atraso algum.Infelizmente, não possuo um CRT, então foi utilizado o AOC 712Sa (um modelo um pouco antigo, de 17', 1280x1024, em 60hz) na comparação.

Neste teste, os dois monitores obrigatoriamente rodam em 1280 x 720, pois não há como deixar as resoluções diferentes por monitor quando se duplica a imagem.
Aqui, o e2351fh mostrou certo atraso: enquanto ele exibe 65.869 s [52], o 712Sa exibe 65.886 [52].
Então notou-se o seguinte: testando ambos em 800x600, não houve diferença entre os dois.

http://i46.tinypic.com/acg9s7.jpg

Uma vez que não havia outro monitor full HD para comparação com o e2351fh em sua resolução nativa, a comparação fica limitada neste aspecto, ficando os valores acima somente para referência.


Quanto ao ângulo de visão, o e2351fh faz o que é comum em painéis TN: Se a tela inteira ficar de uma só cor, a parte de cima e a de baixo ficam com tons diferentes de acordo com o ângulo de visão, conforme abaixo.
Sentado de frente para o monitor e olhando diretamente para a tela:
-A cor 87-00-FF (R-G-B, de 00 à FF) aparece como um roxo-azulado em cima, e roxo-rosado em baixo.Esta cor é a que mostra diferença mais visível de acordo com o ângulo (dentre as cores testadas).
-A cor FF-00-50 aparece como vermelho em cima, e vermelho-rosado em baixo.A diferença é facilmente notável.
-A cor 74-FF-00 aparece como verde-limão em cima, e verde-amarelado em baixo.A diferença é pouco perceptível.


Um detalhe é que o deslocamento vertical aparentemente afeta mais a imagem em relação ao deslocamento lateral.


Testes da conexão HDMI:

Após realizar todos os testes pela conexão D-SUB, é a hora de ver como o monitor se sai ligado pelo cabo HDMI.
Na época do lançamento do "Super Street Fighter 2: The new challengers", lembro da frase de um dos redatores da revista "Ação Games" sobre os novos golpes:

"O Guile foi o mais prejudicado nesta versão.
Além de não pintar nenhum golpe novo para ele, zonearam as porradas antigas.Sacanagem!
Agora, ele solta o Sonic Boom e fica imóvel por alguns segundos.Maior pagação!"

Você deve estar se perguntando o que isso tem a ver com o review.Bom, é como se a conexão HDMI fosse o Guile.
Bem, em parte, pois no caso do jogo, o redator provavelmente deve ter se enganado, pois o Guile solta o Sonic Boom e fica imóvel o mesmo tempo que ficava na versão anterior...

No caso do monitor, a conexão HDMI foi sim, sem dúvida, a mais zoneada.Logo de cara, ao colocar o cabo e alternar para a conexão HDMI, percebe-se que as cores são "mortas": o preto não é preto, mas cinza.
Talvez no review mencionado anteriormente, que dizia que as cores não são tão "vibrantes", se estivesse utilizando a conexão HDMI...E, de repente, até mesmo o Samsung S23B550 sofre do mesmo problema, já que o review que mencionei fala exatamente sobre o preto não ser preto.

Ao desligar o PC e ligá-lo novamente após alguns segundos, outra surpresa nada agradável: a imagem do PC não apareceu.
Foi aguardado aproximadamente 1 minuto e nem sinal de imagem.De início, achei que a BIOS em si não enviava sinal pela conexão HDMI, pelo fato de ser uma entrada digital ou algo do tipo.
Porém, ao ser alternada manualmente para a conexão HDMI, a imagem do Windows apareceu.Testado na BIOS e, surpreendentemente, ao ser alternado para a conexão HDMI, a imagem também apareceu.
Após alguns testes, foi detectado o real problema: A conexão HDMI não é detectada automaticamente.
Por exemplo, se deixar o monitor no modo de seleção automática de entrada, e seu PC estiver desligado e conectado na entrada HDMI, ao ligar o PC, simplesmente não irá aparecer imagem até que você alterne manualmente para a conexão HDMI.
Isto também vale se, por exemplo, você estiver com um PC na entrada D-SUB e outro na HDMI, e o PC da entrada D-SUB (ativa) for desligado.O monitor não alternará automaticamente para a conexão HDMI.
Para as conexões D-SUB e DVI, esse problema não existe: o monitor alterna entre elas perfeitamente, mesmo removendo-se os cabos com o monitor ligado.

A dica aqui é a seguinte: se for utilzar o HDMI como conexão primária, desative a seleção automática de entrada, e deixe o HDMI selecionado.

Vamos aos testes:

No teste rápido de contraste, o monitor passou, mas veja abaixo como as cores são afetadas pela conexão HDMI, principalmente o preto:

Imagem Postada

Ficaria claro que isso afetaria o desempenho em outros testes.

No teste de gama, com gama 1, o resultado ficou assim:

48%: 2.1 em vermelho, 1.9 em verde, 2.15 em azul, 1.95 no branco.
25%: ambas as barras ficaram em 2.0
10%: 2.1 em ambas as barras

Em gama 2 e gama 3, a situação piora bastante, então os resultados não serão colocados aqui para não estender ainda mais o review.


No teste de níveis de preto, o primeiro quadrado não aparece.Para o monitor, 0 ou 1 de branco é a mesma coisa (em uma escala de 0 até 255).Veja abaixo:

http://i50.tinypic.com/2aim2xk.jpg

Adicionalmente, os quadrados 7 e 8 aparecem com a mesma cor, quando deveriam ser diferentes um do outro.

Aumentada a gamma em 17 unidades na calibração do Windows, o quadrado 1 apareceu, e o 7 e 8 ficaram com cores distintas.No entanto, o 4 e o 5 ficaram iguais.
Não houve ajuste que fizesse com que todos os quadrados aparecessem.Veja a comparação das imagens abaixo, onde apenas a conexão D-SUB mostra todos os níveis de preto.

Imagem Postada

Próximo teste: saturação de branco.Aparentemente o teste foi realizado sem problemas: todos os quadrados aparecem.
Entretanto, uma vez que o monitor provou não conseguir exibir alguns níveis de cores nos testes anteriores, é necessário analisar detalhadamente todos os quadrados.
Fazendo isso, percebe-se que pelo menos os quadrados 247 e 248 são idênticos.


Na exibição das barras com efeito gradiente indo de preto até o branco, já era esperado que o monitor iria exibir algum artefato nas barras.
O resultado foi que as barras aparecem com listras verticais.Na verdade, qualquer transição suave de níveis de cor irá apresentar listras em certos pontos.

Olhando o gradiente bem de perto na imagem abaixo, é possível perceber que a cada 6 barras verticais do efeito gradiente, uma sempre será exatamente igual à outra que está ao lado, e isso acaba causando a aparição de listras quando o gradiente é visto de longe, dada a limitação de cores.


Imagem Postada

Este é um efeito bastante indesejado para quem trabalha com programas que exibem selecionadores de cor com o efeito gradiente.
Conforme o exemplo abaixo, repare que na imagem da conexão HDMI (comparada abaixo com a da conexão D-SUB), é possível ver listras em forma de ondas, começando da parte inferior direita da região onde se seleciona a cor.

Imagem Postada

Conclui-se então que, onde é exigida fidelidade na reprodução de cores, usar o monitor pela conexão HDMI definitivamente não é recomendável.

Como eu não possuia um cabo DVI, lá fui eu tentar achar uma solução para os pontos fracos da saída HDMI.No painel de controle da NVidia, existe uma opção para a conexão HDMI chamada "Digital Color Format", com as opções RGB e YCbCr444.
Esta opção estava definida para RGB.Quando eu alternei para YCbCr444, deu pra perceber que o preto ficou preto.No entanto, os outros sintomas relacionados aos níveis de cor limitados continuaram, e para a BIOS (ou qualquer outro conteúdo que não tivesse esta opção), o preto continuava cinza.
Diminuir o brilho não iria ajudar no caso do preto, pois o brilho apenas controla a iluminação da tela.

Foi então que tive uma ideia: utilizar o "Picture Boost" com a moldura em tela inteira, para deixar o preto realmente preto.
Isto surtiu efeito, e o resultado foi satisfatório: o preto ficou com mais profundidade, independentemente se estou no Windows ou na BIOS.Infelizmente, isto somente corrige a profundidade do preto: os outros artefatos relacionados à incapacidade de exibição de certos níveis de cor continuam lá, sem que haja correção.

As configurações do "Picture Boost" utilizadas seguem abaixo.

Imagem Postada


Testes da conexão DVI:

Como o HDMI não teve jeito, fui atrás de um cabo DVI para testar a última conexão disponível que iria ou salvar o monitor, ou fazer com que eu me arrependesse da compra.
Eu estava otimista com conexão DVI, apesar dela ser digital como a HDMI, e ter o risco de apresentar os mesmos problemas.

Com o cabo DVI em mãos, liguei o PC e, para minha surpresa, a performance da conexão DVI foi excelente.
Preto realmente preto, imagem nítida, gradientes suaves, níveis de cor distintos, e afins.


A performance da conexão DVI foi a mesma da conexão D-SUB, exceto que, no teste de saturação de branco, todos os níveis de branco são distintos, e não existem leves granulações nas imagens claras como na conexão D-SUB.
Além disso, da mesma forma que o HDMI, não existem ajustes de clock, foco, nitidez e posição da imagem: estes ajustes não são necessários para conexões digitais.

Não houveram problemas aparentes na conexão DVI.

Calibração:

A calibração foi realizada utilizando o mesmo teste de gama acima, uma imagem preto e branca com diferentes tons de branco.
Para deixar a gama correta em todas as barras, a configuração de RGB foi alterada diretamente no monitor, ficando assim:

Vermelho: 74
Verde: 78
Azul: 73
Contraste: 50

Uma desvantagem de deixar o monitor assim é que tudo fica mais escuro, ou seja, você perde contraste, e o branco fica mais "morto".

Após várias tentativas, decidi abrir mão da precisão total da gama para ter mais brilho.

A configuração final ficou assim:

Vermelho: 98
Verde: 100
Azul: 96
Contraste: 50

Com isso, o problema do branco ficar com um tom levemente roxo não existe.
A gama fica incorreta apenas em duas barras em 48% de luminância: 2.1 a verde e 2.3 a azul.


Conclusão:

Prós:
+3 tipos de conexão disponíveis
+Conexão DVI com excelente performance, sem problemas notáveis na imagem.
+Possibilidade de uso com o sem suporte

Contras:
-Falta de profundidade na exibição de preto na conexão HDMI
-Conexão HDMI não é detectada automaticamente, e é limitada quanto à exibição de vários os níveis de cor
-Balança bastante se utilizado com o suporte


Se tiverem alguma dúvida em relação ao monitor, ou quiserem sugerir algo que eu tenha esquecido de falar, podem postar a vontade.

Editado por alb3530, 24 de dezembro de 2012 - 03h31min.
nota sobre a imagem do "backlight bleeding"

"Fiz-me como fraco para os fracos, para ganhar os fracos. Fiz-me tudo para todos, para por todos os meios chegar a salvar alguns." 1 Co 9:22

#2 tamazi

tamazi
  • Membros Plenos
  • 2.987 posts
  • Membro desde 07/09/2012
395
Excepcional
  • Sao Paulo-SP

Postado 24 de dezembro de 2012 - 10h20min

Ja tive monitores dessas 3 marcas, e são altamente duraveis
Atualmente tenho um AOC 2243W, ultra fino, uso mais para jogos de PS3 com cabo HDMI>>>DVI, a 1080p e sinceramente, nao perde NADA para meu monitor, esse modelo citado nao entendo, mas antes eu torcia no nariz para marcas desconhecias, hoje, me surpreendo com a qualidade delas, se nao for usar o HDMI, sugiro AOC

Editado por tamazi, 02 de janeiro de 2013 - 19h13min.

PSN ID: th3ch0_n1ght
Sic Parvis Magna - Resistir e Sobreviver
|-|PS1|-|PS2|-|PS3|-|PS4|-|PSVita|-|PSP|-|GAME CUBE|-|Wii|-|PC|-|XBOX|-|XBOX 360|-|DREAMCAST|-|3DO|-|


#3 Bcpetronzio

Bcpetronzio
  • Moderadores
  • 32.147 posts
  • Membro desde 12/06/2008
939
Excepcional
  • Uberlândia , MG

Postado 24 de dezembro de 2012 - 16h17min

Bom tópico! Parabéns alb3530!

"Pois todo aquele que pede, recebe; aquele que procura, acha; e ao que bater, se lhe abrirá todas as portas" (Lucas 11,10)

"Seu mundo muda, quando você muda!"


Ao remover dúvidas via MP, FaceBook ou skype, você priva todos os outros membros de receberem uma informação importante; Por favor! usem o fórum...

#4 Athens

Athens
  • Membros Juniores
  • 8 posts
  • Membro desde 03/01/2013
3
Neutra
  • Florianopolis

Postado 03 de janeiro de 2013 - 15h48min

Parabéns pelo tópico, li todo ele, e ele está explicado em todos os detalhes possiveis.

Uma pergunta de iniciante rs:

Para ligar meu PS3 nesse monitor via DVI, o que devo fazer ?


#5 alb3530

alb3530
  • Membros Plenos
  • 38 posts
  • Membro desde 04/01/2008
12
Boa
  • Porto Alegre, RS

Postado 03 de janeiro de 2013 - 21h51min

Parabéns pelo tópico, li todo ele, e ele está explicado em todos os detalhes possiveis.

Uma pergunta de iniciante rs:

Para ligar meu PS3 nesse monitor via DVI, o que devo fazer ?


Sobre o vídeo eu posso responder mais ou menos, já sobre o áudio, deixo para alguém que entenda melhor do assunto, pois HDMI transmite áudio, e DVI é só vídeo.......

Existe um cabo HDMI -> DVI que serve para utilizar o monitor pela entrada DVI com dispositivos que possuam HDMI.

No entanto, não sei se te dizer se o cabo vai funcionar, pois não olhei a entrada do monitor, e não sei como será a conexão do cabo.

Digo isso por que minha placa-mãe não suporta o uso de adaptadores DSUB -> DVI devido à incompatibilidade de pinos, que impossibilita até mesmo a colocação do adaptador...


Abraços

"Fiz-me como fraco para os fracos, para ganhar os fracos. Fiz-me tudo para todos, para por todos os meios chegar a salvar alguns." 1 Co 9:22

#6 trthrash

trthrash
  • Membros Plenos
  • 81 posts
  • Membro desde 30/07/2008
1
Neutra
  • bh mg

Postado 04 de janeiro de 2013 - 19h27min

Parabéns pelo tópico, deve ter dado um trabalho isso ai. To querendo pegar esse modelo para eyefinity, parece ter um bom custo/benefício. Apesar de não poder usar o HDMI, mas acho que um adaptador para display port/DVI deve ficar bom como, espero...

i5 2500k @ 4400 MHz // Corsair H100 + 4 Sharks // Z77 G1.Sniper M3 // 2 x Sapphire 6870 CF // 2 x 4GB Veangeance 1600 // Kingston V+200 120 GB // Barracuda 1TB 64 Buffer // XFX PRO750W // HAF X // Fan Control Strike X // fone Sennheiser HD 205 // Samsung S23B550V 23" // Win 7 Ultimate 64bits

#7 alb3530

alb3530
  • Membros Plenos
  • 38 posts
  • Membro desde 04/01/2008
12
Boa
  • Porto Alegre, RS

Postado 05 de janeiro de 2013 - 00h08min

Parabéns pelo tópico, deve ter dado um trabalho isso ai. To querendo pegar esse modelo para eyefinity, parece ter um bom custo/benefício. Apesar de não poder usar o HDMI, mas acho que um adaptador para display port/DVI deve ficar bom como, espero...


Se você não for muito exigente quanto à fidelidade de cores, nem vai notar o problema da falta de níveis de cor no HDMI para imagens reais ou de jogos....

Isto é apenas facilmente notável em efeitos gradientes ou em imagens mais artificiais, com transições suaves dos tons de cores.

Se o jogo/programa que você for reproduzir no monitor tiver um gradiente em alguma parte, você pode notar o problema.

Se conseguir colocar no DVI, fica praticamente perfeito.

"Fiz-me como fraco para os fracos, para ganhar os fracos. Fiz-me tudo para todos, para por todos os meios chegar a salvar alguns." 1 Co 9:22

#8 Will xD

Will xD
  • Membros Plenos
  • 56 posts
  • Membro desde 02/08/2012
8
Neutra
  • Santa Catarina

Postado 07 de janeiro de 2013 - 16h36min

Excelente tópico. Deve ter dado bastante trabalho para fazer tudo isto '-'.

Dando sua opinião mesmo... Você ficou bem satisfeito com a aquisição xD?

Eu estou procurando um monitor e achei muito interessante está sua review. Porém, eu acho um monitor de 23 polegadas muito grande. Você saberia me dizer se este monitor é tão bom quanto este seu?


P.S: Por alguma razão não estou conseguindo posta o link "fundido" com a palavra. Então segue o link do monitor: http://www.kabum.com.br/produto/33460/monitor-aoc-led-21-5-polegadas-e2251fwh-full-hd-black-piano"

Editado por Will xD, 07 de janeiro de 2013 - 17h35min.


#9 tamazi

tamazi
  • Membros Plenos
  • 2.987 posts
  • Membro desde 07/09/2012
395
Excepcional
  • Sao Paulo-SP

Postado 07 de janeiro de 2013 - 19h42min

Excelente tópico. Deve ter dado bastante trabalho para fazer tudo isto '-'.

Dando sua opinião mesmo... Você ficou bem satisfeito com a aquisição xD?

Eu estou procurando um monitor e achei muito interessante está sua review. Porém, eu acho um monitor de 23 polegadas muito grande. Você saberia me dizer se este monitor é tão bom quanto este seu?


P.S: Por alguma razão não estou conseguindo posta o link "fundido" com a palavra. Então segue o link do monitor: http://www.kabum.com.br/produto/33460/monitor-aoc-led-21-5-polegadas-e2251fwh-full-hd-black-piano"

O meu é o AOC e2243fwk, com as infos identicas ao listado, eu recomendo muito!

PSN ID: th3ch0_n1ght
Sic Parvis Magna - Resistir e Sobreviver
|-|PS1|-|PS2|-|PS3|-|PS4|-|PSVita|-|PSP|-|GAME CUBE|-|Wii|-|PC|-|XBOX|-|XBOX 360|-|DREAMCAST|-|3DO|-|


#10 Will xD

Will xD
  • Membros Plenos
  • 56 posts
  • Membro desde 02/08/2012
8
Neutra
  • Santa Catarina

Postado 09 de janeiro de 2013 - 15h38min

O meu é o AOC e2243fwk, com as infos identicas ao listado, eu recomendo muito!


Mas, entre este que você recomenda e o que eu falei qual seria o melhor: O e2243fwk ou e2251Fwh?

Ali no site diz entre outras coisas as especificações e dando uma olhada percebi que a única coisa que muda é o tempo de resposta e o contraste. Enquanto, o e2243Fwk tem um contraste maior que o e2251Fwh, o e2251Fwh tem um tempo de resposta menor que o e2243Fwk.

Os 2 parecem ser do mesmo modelo então o 51 por ser um número maior representa que o e2251Fwh é um modelo mais recente?


#11 tamazi

tamazi
  • Membros Plenos
  • 2.987 posts
  • Membro desde 07/09/2012
395
Excepcional
  • Sao Paulo-SP

Postado 09 de janeiro de 2013 - 15h56min

Mas, entre este que você recomenda e o que eu falei qual seria o melhor: O e2243fwk ou e2251Fwh?

Ali no site diz entre outras coisas as especificações e dando uma olhada percebi que a única coisa que muda é o tempo de resposta e o contraste. Enquanto, o e2243Fwk tem um contraste maior que o e2251Fwh, o e2251Fwh tem um tempo de resposta menor que o e2243Fwk.

Os 2 parecem ser do mesmo modelo então o 51 por ser um número maior representa que o e2251Fwh é um modelo mais recente?


Olá amigo, boa tarde!
Bom, creio que o e2251Fwh seja uma versão posterior ao e2243Fwk, se você for usar todos os recursos do e2251Fwh e a diferença em $$ você considerar pequena, recomendo ele, porém, se houver uma grande diferença de valor se torne inviavel, o e2243Fwk na minha opnião é um excelente monitor!

PSN ID: th3ch0_n1ght
Sic Parvis Magna - Resistir e Sobreviver
|-|PS1|-|PS2|-|PS3|-|PS4|-|PSVita|-|PSP|-|GAME CUBE|-|Wii|-|PC|-|XBOX|-|XBOX 360|-|DREAMCAST|-|3DO|-|


#12 alb3530

alb3530
  • Membros Plenos
  • 38 posts
  • Membro desde 04/01/2008
12
Boa
  • Porto Alegre, RS

Postado 09 de janeiro de 2013 - 21h30min

Excelente tópico. Deve ter dado bastante trabalho para fazer tudo isto '-'.

Dando sua opinião mesmo... Você ficou bem satisfeito com a aquisição xD?

Eu estou procurando um monitor e achei muito interessante está sua review. Porém, eu acho um monitor de 23 polegadas muito grande. Você saberia me dizer se este monitor é tão bom quanto este seu?


P.S: Por alguma razão não estou conseguindo posta o link "fundido" com a palavra. Então segue o link do monitor: http://www.kabum.com.br/produto/33460/monitor-aoc-led-21-5-polegadas-e2251fwh-full-hd-black-piano"


Com certeza, fiquei satisfeito sim....Graças ao DVI.

Sobre esse modelo que você postou, não possuo, então não tenho como falar....Pelas especificações, parece similar ao e2351fh

Eu também estava com esta dúvida, em pegar um 23 e um de 21.5, mas acabei optando pelo 23 pelo seguinte:

No de 23, você pode ficar mais longe dele, que mesmo assim, conseguirá enxergar aquelas letras que são mais pequenas.
Já no de 21.5, você teria que ficar mais perto pra evitar desconforto visual, por tudo nele ser menor.

Somente por isso....

"Fiz-me como fraco para os fracos, para ganhar os fracos. Fiz-me tudo para todos, para por todos os meios chegar a salvar alguns." 1 Co 9:22

#13 tamazi

tamazi
  • Membros Plenos
  • 2.987 posts
  • Membro desde 07/09/2012
395
Excepcional
  • Sao Paulo-SP

Postado 10 de janeiro de 2013 - 00h37min

Mas, entre este que você recomenda e o que eu falei qual seria o melhor: O e2243fwk ou e2251Fwh?

Ali no site diz entre outras coisas as especificações e dando uma olhada percebi que a única coisa que muda é o tempo de resposta e o contraste. Enquanto, o e2243Fwk tem um contraste maior que o e2251Fwh, o e2251Fwh tem um tempo de resposta menor que o e2243Fwk.

Os 2 parecem ser do mesmo modelo então o 51 por ser um número maior representa que o e2251Fwh é um modelo mais recente?


aqui esta as spes o monitor
Imagem Postada

PSN ID: th3ch0_n1ght
Sic Parvis Magna - Resistir e Sobreviver
|-|PS1|-|PS2|-|PS3|-|PS4|-|PSVita|-|PSP|-|GAME CUBE|-|Wii|-|PC|-|XBOX|-|XBOX 360|-|DREAMCAST|-|3DO|-|


#14 .:: Chico ::.

.:: Chico ::.
  • Membros Plenos
  • 99 posts
  • Membro desde 17/12/2007
1
Neutra
  • Rio de Janeiro - RJ

Postado 12 de janeiro de 2013 - 15h46min

O tópico vai além da análise. É uma aula. Muito obrigado.

Estou procurando um novo monitor e estou, depois desse review, entre ele e o Benq GL2450. Mas sobre o Benq não encontro reviews.

Os 2 custam praticamente a mesma coisa (kabum) e pelo visto vou ter que ficar com o AOC que parece fazer tudo direitinho sem grandes problemas como visto em outras marcas (samsung com cores lavadas e lg com bleeding).

Pc para Jogos:
80486 33 (66 MHz no Turbo) :wub: * VGA Trident 2mb ^_^ * DRam 16mb :D * Drive Disquete B: :P * Hd 200mb :cool:

#15 alexguimenti

alexguimenti
  • Membros Plenos
  • 50 posts
  • Membro desde 18/06/2005
0
Neutra
  • São Carlos/Jacareí

Postado 14 de janeiro de 2013 - 16h10min

Comprei um desses, vou pegar na sexta. Comprei também um som Logitech z506, acho que vai ficar um setup legal!


#16 cadunit

cadunit
  • Membros Juniores
  • 17 posts
  • Membro desde 18/02/2006
0
Neutra
  • rio de janeiro

Postado 16 de janeiro de 2013 - 04h34min

Cara... você matou a pau nesse Super review, excelente... PARABÉNS!!!
já tinha meio q descartado essa criança kkkkk
tava entre, Samsung S23B550V e o LG IPS225V. tava mais inclinado em pegar o IPS, agora nao sei... kkk vou usar mais pra ver filmes, tv[pl de captura] e navegaçao... e uns jogos de vez em quando.
Sab dizer se pelo HDMI tenho como deixar ativo o som da pl de som do pc? ou nao tem jeito e ele corta, e teria q usar dvi mermo? [se bem q nesse caso dvi é uma vantagem kkkk]
mais uma vez parabens!!!

Editado por cadunit, 16 de janeiro de 2013 - 17h18min.


#17 VCO2011

VCO2011
  • Membros Juniores
  • 3 posts
  • Membro desde 04/07/2011
0
Neutra
  • Campinas/sp

Postado 17 de janeiro de 2013 - 13h33min

Parabéns amigo pela aula, sobre esse monitor.
Gostaria de saber se ele tem falantes embutidos ??
Vou usar o DVI com minha Home Theater do PC, ficaria bom ??

Obrigado...


#18 brunojas

brunojas
  • Membros Plenos
  • 24 posts
  • Membro desde 02/11/2008
0
Neutra
  • xxxx

Postado 30 de janeiro de 2013 - 09h11min

Eu tava quase comprando o LG E2355V, mas agora depois desse review to considerando pegar esse AOC que esta no mesmo preço do LG. Parabéns!


#19 fpflug

fpflug
  • Membros Juniores
  • 1 posts
  • Membro desde 02/02/2013
0
Neutra
  • São Paulo

Postado 02 de fevereiro de 2013 - 19h24min

Não tenho grandes exigências e para esse AOC do review, eu tirei o chapeu. Liguei ele no HDMI do computador. Caiu o queixo. Preço também muito bom em relação a outras marcas.


#20 gutakeda

gutakeda
  • Membros Plenos
  • 40 posts
  • Membro desde 29/02/2012
1
Neutra
  • São Paulo, SP

Postado 07 de fevereiro de 2013 - 02h57min

Tava pesquisando monitores,já tinha descartado esse AOC e já estava quase levando o S23B550V.. mas depois de achar tantas críticas sobre as cores desse monitor, continuar a pesquisar e acabei aqui !
Me convenceu.. vou dar umas últimas pesquisadas, mas acho que vou pegar esse E2351FH mesmo ! ^_^
"Isso não chega a ser uma preocupação pra quem não irá usar o suporte, por que o e2351fh é multifuncional: ele pode ser montado diretamente sobre a superfície, sem o suporte.

Esse é um diferencial deste modelo, e particularmente achei bem bacana.Montado desta forma, ele praticamente não balança em relação à superfície."

Você poderia me fornecer mais detalhes? Como funciona essa montagem sem o suporte?
Li que não existe wall-mount.. mas será que é possível comprar algum suporte ou fazer alguma gambiarra pra prendê-lo a parede com essa montagem sem o suporte? Outra pergunta, como é o material da 'borda do monitor'? Parece que ele é meio 'brilhante' e dá reflexo, diferente do meu atual, que é opaco e sem brilho. Confere?Obrigado.

Editado por gutakeda, 08 de fevereiro de 2013 - 02h29min.





0 usuário(s) está(ão) lendo este tópico

0 membros, 0 visitantes, 0 membros anônimos