Ir para conteúdo

  • Entrar usando o Facebook Entrar usando o Twitter Entrar usando o Windows Live Login com Steam Login com Google      Entrar   
  • Cadastre-se

Ícone Classificados

Adicionar um Anúncio

Redes Sociais

Membros mais bem avaliados

Membros VIP mais recentes


Foto
- - - - -

Como saber a amperagem maxima de um Trafo?


Este tópico foi arquivado. Isto significa que você não pode mais responder ao tópico.
18 respostas neste tópico

#1 fr3d-

fr3d-
  • Membros Plenos
  • 24 posts
  • Membro desde 20/03/2006
0
Neutra

Postado 05 de março de 2007 - 00h31min

Bem, o caso é q tirei esse trafo de um recptor de parabolica Tecsat e ta em perfeito estado.

entrada 110/220, e nas saidas, medi 15v terra 15v - claro q ponta à ponta, 30V.

Mas pra saber onde usa-lo - preciso saber a corrente máxima q ele fornece, e não sei como obter esse dado.

Talvez os mais entendidos do assunto me dêem uma ideia.

Uma foto para referência:



#2 PredadorFX

PredadorFX
  • Membros Plenos
  • 84 posts
  • Membro desde 29/01/2006
1
Neutra

Postado 05 de março de 2007 - 23h07min

geralmente dá pra supor devido ao tamanho do trafo (se este for para 60hz, claro..., afinal trafos de altas freqüências sao bem pequenos...)

mas posta a img do trafo aê pra nós pode ajuda....

Pensar enloquece, Pense nisto!

#3 PredadorFX

PredadorFX
  • Membros Plenos
  • 84 posts
  • Membro desde 29/01/2006
1
Neutra

Postado 05 de março de 2007 - 23h29min

ah agora q fui ver q no outro topico tu tinha postado a img...

Imagem Postada

me parece um trafo de 2A...

Pensar enloquece, Pense nisto!

#4 Rvs

Rvs
  • Membros Plenos
  • 1.783 posts
  • Membro desde 17/07/2005
32
Excelente

Postado 06 de março de 2007 - 06h09min

Amigo, parece 1 trafo de 2 ou 3A, pelo menos a primeira vista, se alguem tiver mas alguma coisa pra falar, sera bem vida...valeu

Ronaldo/RN

"Nos seus momentos de aflição, não se envergonhe de baixar a cabeça e chamar por Deus!!!"

#5 Kaarell

Kaarell
  • Membros Plenos
  • 787 posts
  • Membro desde 03/01/2006
8
Neutra

Postado 06 de março de 2007 - 08h05min

Amigos, este trafo é de 300W ou seja, 1,36 amper, valeu?

Insegnante Karel
Dio sia lodato

#6 Kaarell

Kaarell
  • Membros Plenos
  • 787 posts
  • Membro desde 03/01/2006
8
Neutra

Postado 06 de março de 2007 - 21h11min

Amigão, vou lhe ensinar a calcular um trafo! como eu estava na hora do serviço respondi rápido a sua pergunta q acabei calculando em 30+30 e é 15+15, desculpe ai o erro, mais só por calsa disto vou lhe ensinar a fundo o q você quer! valeu?


CÁLCULO DE ACORDO COM ESTE TRANSFORMADOR:


Volts de entrada.......................................110V+110V
Volts de sáida...........................................15V+15V
Potência de sáida para cada volts................5A
Frequência de operação..............................60Hz

Cálculo de potência do secundário:

3)= P2 = I2.E2 = 5.15 = 75W
4)= P2 = I2.E2 = 5.15 = 75W

EXEMPLOS:

P2 = Potência do secundário em Wats
I2 = Potência do secundário em Ampér
E2 = Tensão do secundário em Volts

Total da potências do secundários:

75 + 75 = 150W

Cáculo de perda do ferro e aquecimento, considerando seu redimento de 80%:

U= 80% = 80 / 100 = 0,8

Vamos agora aos cálculos da potência dos primários, que será:

P1 = P2 / U = 150 / 0,8 = 187,5W

EXEMPLOS:

P1= Potência do primário em Wats
U = Fator de rendimento do transformador

OBS: Esse valor de 187,5 Wats, são considerações de perda de ferro e do aquecimento, ou seja, mínima 150W e máxima 187,5W, certo?

Cálculos dos enrolamentos dos primários:

1) = I1 = P2 / E1 = 187,5 / 110 = 1,70A
2) = I1 = P2 / E1 = 187,5 / 220 = 0,85A

Obtivemos a corrente para os enrolamentos:

1) = 1,70A 2) = 0,85A 3) = 5A 4) = 5A


OBS: Procure trabalhar com o trafo sempre na baixa é 150W e a contrução do trafo é a máxima, 187,5, ou seja,:

150W para trabalho e construção 187,5W

Fórmula: I = W / V.

OBS: este transformador é de 0,68I = 150W / 220V ou 1,36I = 150W / 110V isso para trabalho e o cálculo 0,85I = 187,5W / 220V ou 1,70I = 187,5W / 110V isso para construção do transformador.

Agora as desculpas:

Procura fazer o cálculo no meu erro que você pode cada vez mais entender estas formulas.
Na rapidez de olhar o forum entendi 30+30, vou deixar aqui a base de cálculo que fiz, assim:

Volts de entrada................................................................110+110V
Volts de sáida....................................................................30+30
Potência de sáida p/ cada volts............................................5A
Frequência de operação.......................................................60Hz

Amigão, qulquer dúvida é só postar, valeu?

Insegnante Karel
Dio sia lodato

#7 Meiraneto

Meiraneto
  • Membros Plenos
  • 10.381 posts
  • Membro desde 24/12/2002
55
Excepcional

Postado 06 de março de 2007 - 22h27min

Já introduziram o princípio da adivinhação na eletrônica/eletricidade? :rolleyes:

Que bom, assim fica mais fácil! :tantan:

Não respondam tópicos que usem MSNês
Seja objetivo ao pedir ajuda para um problema.
Cuide bem do seu cão, proteja-o do perigo humano!
Regras Locais - Leiam antes de postar!

#8 Kaarell

Kaarell
  • Membros Plenos
  • 787 posts
  • Membro desde 03/01/2006
8
Neutra

Postado 06 de março de 2007 - 22h54min

Amigão, eu não adivinhei nada, se alguém encontrar algum erro em meus cálculos q os aponte, podemos discutir!

Insegnante Karel
Dio sia lodato

#9 Meiraneto

Meiraneto
  • Membros Plenos
  • 10.381 posts
  • Membro desde 24/12/2002
55
Excepcional

Postado 09 de março de 2007 - 17h37min

Não tenho tido muito tempo aqui no fórum, mas como sinto toda segurança em seu post, gostaria que me explicasse(convencesse) de onde retirou a informação sobre 5A por Volt!

Que eu saiba, as correntes não foram informadas e nem o "tamanho" do núcleo, além da bitola dos fios primários e secundários! Em seus cálculos, você arbitrou 5A......e quer que alguém aponte erros em seus cálculos?

Os erros partiram da corrente "escolhida" por você! Isso não se aplicaria para uma situação real.....o criador do tópico queria saber exatamente a corrente do trafo....você simplesmente arbitrou um valor e passou a fazer cálculos! :ahh:

Não respondam tópicos que usem MSNês
Seja objetivo ao pedir ajuda para um problema.
Cuide bem do seu cão, proteja-o do perigo humano!
Regras Locais - Leiam antes de postar!

#10 Kaarell

Kaarell
  • Membros Plenos
  • 787 posts
  • Membro desde 03/01/2006
8
Neutra

Postado 09 de março de 2007 - 20h41min

Amigão, eu devo ter aqui em meu laboratorio desde quando comecei a enrolar motores, transformadores, geradores, máquinas de solda e pontiadeiras uma anotação que é de fazer inveja a cada um proficional da área e só sucata deste transformador eu tenho 52, fiz questão de contar, até as descrições são as mesmissimas só pra lhe transmitir só este pequenino detalhe, viu? agora se estiver duvidando vem aqui q lhe mostro faço questão, ou mande alquem aqui se não puder ver, cara é de fazer inveja! olha eu vou lhe ensinar uma coisa, e guarde bem: o proficional,(técnico) que é bom em sua profissão, quando um leigo ou um ignorante, (falando da palavra, que ignorar é desconhecer) fala de um assunto que não entende logo ele persebe a ignorância do outro, saca, logo sabe! e no proprio olhar se você já enrolou esse bendito transformador saberia definir o q você está me questionando e se errar por um pouquinho q seja iria tirar de letra! seria muito mais bonito se você chegar pra mim e perguntar:

-Kaarell como eu faço pra descobrir os amperes dos secundarios?
O..., seria fácil lhe transmitir isto!

Cara deixa disso, isso é feio e ant-ético nós estamos aqui é pra aprender, se eu soubece alguma coisa nem aqui eu estava questionando com um sabichão feito você! na escola que você estudou de certo eles incentivavam os q tiravam notas boas a gosar de quem tirava notas ruíns, deixa disso vamos todos aprender! valeu?

anida esqueci, vem tomar um cafezinho aqui comigo q eu te mostro os 52 q tenho aqui, ta convidado!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Insegnante Karel
Dio sia lodato

#11 Paska

Paska
  • Membros Plenos
  • 182 posts
  • Membro desde 22/11/2005
4
Neutra

Postado 09 de março de 2007 - 21h34min

Olá, pessoal. Deixando de lado os entretanto e partindo direto para os finalmente: Quando o tranformador não tem todos os dados escritos, acho mais fácil medir a espessura da ferragem (geralmente na parte de baixo do trafo) menos 10% (perdas) esse valor (em centímetros) ao quadrado (área da ferragem) e novamente ao quadrado (potência do ferro). Pronto: Potência do ferro divido pela tensão descrita, dá a corrente desejada. :chicote: :aranha:


#12 jorgelsl

jorgelsl
  • Membros Plenos
  • 398 posts
  • Membro desde 31/10/2006
0
Neutra

Postado 09 de março de 2007 - 22h32min

Amigos acho que não deveriam questionar os conhecimentos do nosso amigo kaarell.Seus post realmente demostram que ele entende do que fala.Amigo kaarell quero que saiba que aprendo muito com seus post,e que tenho certeza de que é um excelente profissional.abração!!!!


#13 Meiraneto

Meiraneto
  • Membros Plenos
  • 10.381 posts
  • Membro desde 24/12/2002
55
Excepcional

Postado 09 de março de 2007 - 23h33min

Vou dizer-lhe como vejo a questão!

Desde seus primeiros posts(lá no início, lembra?), já iniciou "desprezando" as opiniões postadas pelos demais colegas do fórum! O camarada dava uma resposta(muitas delas corretíssimas), dica ou opinião e você postava logo em seguida, apresentava sua solução verdadeira, pura e ÚNICA, esquecendo-se de que a solução já fora apontada corretamente!

Também já ví postagens suas que eram quase "aberrações eletromagnéticas"! Se você sabe tanto e deseja ajudar mais ainda, procure ser mais claro em suas postagens, pois além de confusas(muitas delas), outras estão longe de refletir a veracidade, seja prática ou teórica!

Lembra do que postou sobre seu contador de RPM ou sei lá como chama a trepeça? Lá, pelo que disse, os painéis de veículos informariam a rotação do motor de forma errada.....1/4, 1/6, etc! Se fosse basear pelo que postou, meu carro teria de girar a 20.000 giros de motor! Até onde sei, os motores da F1 estão chegando nesse patamar, mas carros de rua ainda estão meio distantes dessa cifra!

Só mais uma coisa. Não é questão de ser ou não um sabichão....mas no meu entender, com o conhecimento de que disponho, apesar de modesto para alguns, me sinto na obrigação de acompanhar os posts da área em que creio poder opinar com conhecimennto, apresentando opiniões, dicas e até esclarecendo quando me deparo com algum equívoco de colegas sem o domínio do tema....isso é normal....ninguém sabe tudo, mas quem sabe um pouco, deve esclarecer com seu conhecimento, àqueles que se perdem nos temas mais técnicos ou de grau acima do conhecimento do participante.

E finalmente, questionando sobre seus cálculos, em qualquer escola de fundo de quintal ou faculdade que seja, não se pode atribuir um valor, pura e simplesmente a uma variável, quando a questão é obter uma grandeza ainda desconhecida! Fazendo uso desse artifício, a solução será teórica, não representando um valor REAL. Foi o que você fez, quando estipulou(sem explicar) a corrente de 5A.

Veja a resposta abaixo:

"Amigo, parece 1 trafo de 2 ou 3A, pelo menos a primeira vista, se alguem tiver mas alguma coisa pra falar, sera bem vida...valeu"

Ronaldo/RN

Então, essa resposta é prática e respondeu em 1.5 linhas!
Enquanto isso, você fez ou tentou dar uma "aula", mas sem se quer, preocupar-se com os termos técnicos, veja:

- Potência de sáida para cada volts................5A
Potência em A? Você é o profissional.....não deve assassinar a teoria dessa forma! Sem comentários!

Em um outro tópico, escreveu:

".....Amigos, todos os motores a gasolina, 2 tempos ou 4 tempo, a óleo ou álcool, sua rotação em uma aceleração normal de ciclo será de 1800RPM isso pra todos os motores, claro q pode diminuir ou aumentar devido sua aceleração mais nunca passar de 2.980RPM dependendo do fabricante ou diminuir a menos q 0! certo?....."
Reconhece o autor?

Lembro de outras, mas nem vou perder meu tempo pesquisando....posso acabar ficando confuso e acreditando!

Agora, se não aceita quando alguém lhe aponta seus erros ou falhas, considera que tudo que escreve é O CERTO..... meu amigo.....passar bem!

Não respondam tópicos que usem MSNês
Seja objetivo ao pedir ajuda para um problema.
Cuide bem do seu cão, proteja-o do perigo humano!
Regras Locais - Leiam antes de postar!

#14 silvio.a.s

silvio.a.s
  • Membros Plenos
  • 2.097 posts
  • Membro desde 22/09/2006
188
Excepcional

Postado 09 de março de 2007 - 23h44min

O trafo é de 1,8A


#15 Apagado_Pepiolegal_*

Apagado_Pepiolegal_*
  • Visitantes
  • Membro desde --

Postado 20 de março de 2007 - 01h33min

Ola mano, ta faltando uma informação para poder calcular a corrente do seu transformador, pois só com estes dados (tensão secundaria, primaria e tamanho) é impossível chegar a um valor se quer aproximado da corrente deste transformador!!!
Faça a leitura da resistência (HOMS) de cada enrolamento, tanto do primário como do secundário e poste aqui os valores de cada enrolamento. Assim poderemos te responder sua duvida!!!
Mas não sei teu conhecimento de eletrônica ate aonde vai, mas te dou uma dica: Meça com multímetro digital na escala menor para uma melhor leitura(se dês infinito aumente uma escala) e não toque com os dedos em ambas as pontas de medição, pois assim estará medindo também a resistência de teu corpo!!!
Grato... :bye:


#16 marco_piracicaba

marco_piracicaba
  • Membros Plenos
  • 294 posts
  • Membro desde 25/04/2007
2
Neutra

Postado 28 de abril de 2007 - 19h10min

Boa tarde!

Até que o assunto está interessante por aqui.

Consultei um amigo que trabalhou muito tempo na manutenção de diversas marcas de receptores de satélite e o mesmo me informou que, a "corrente" máxima a ser drenada e não potência deste transformador está em torno de 2,0A a 2,5A, portanto, dentro das especificações apresentadas pelos colegas: silvio.a.s, PredadorFX e Rvs.

Com relação a resposta do colega Kaarell, gostaria de aconselhá-lo como profissional, a não fazer "afirmações técnicas" sem ter em mãos as variáveis que a fundamentem. Concordo plenamente que V. Sa. possui conhecimento teórico no assunto, o que podemos chamar aqui de "conhecimento de causa" e é diferente do "conhecimento de caso". Para afirmarmos com veemência a "potência e/ou corrente aproximada" do transformador (caso), precisamos ter em mão algumas variáveis: dimensões, bitolas dos cabos ou fios, resistência do (s) enrolamentos, tensões, número de espiras (caso desmontado), o que nem sempre é possível. Tendo em vista o seu conhecimento na área, posso afirmar que V. Sa. é um "formador de opinião" (vide a declaração do colega "jorgelsl" em sua defesa) e, tem uma responsabilidade muito grande na divulgação de tais informações.

Uma das responsabilidades que me refiro é a divulgação de informações e/ou termos técnicos de forma correta e coerente, pois, muitas vezes, o que afirmamos na comunidade científica ou mesmo nos tópicos do (s) fóruns reflete como lei nas pessoas leigas.

Citarei três exemplos de afirmação de outros profissionais da área, observados no dia-a-dia e/ou em vários fóruns que participo:

- o resistor em série com um led deve ser obrigatoriamente soldado no terminal denominado ânodo. Por que não no catodo? Será que o componente (led) não funcionará?

- leds de alto brilho, quando submetidos a 5V, “podem” ser alimentados sem resistor. Quem limita a corrente máxima?

- para que um led funcione quando submetido à tensão elétrica alternada (VAC), independentemente da amplitude, deve ser associado ao mesmo um resistor em série somente para limitar a corrente. A característica elétrica de tensão reversa (geralmente 5V) recomendada pelo fabricante do componente não serve para nada?

Qual o fundamento para tais afirmações? O que aconteceu com as disciplinas de eletrônica básica, eletricidade e análise de circuitos dos cursos técnicos de eletrônica como também dos cursos de Engenharia, já que esta última afirmação, já ouvi por parte de alguns engenheiros?

Percebeu? Estes são também formadores de opinião com as mesmas responsabilidades.

Agora voltando ao nosso tópico, aproveito para apontar também algumas afirmações tecnicamente incoerentes:

- Potência de sáida para cada volts................5A
- I2 = Potência do secundário em Ampér
- Amigos, este trafo é de 300W ou seja, 1,36 amper, valeu?

A = unidade de potência?
O que significa “Potência de saída para cada volt”?
Ampér ou amper são unidades do que? Não seria Ampère?
Wats é unidade do que? Não seria Watt ou Watts? (Não acredito que seja erro de digitação, pois, o mesmo fora replicado três vezes).

Agora vou deixar o lado profissional de lado e falar como amigo.

Trabalho com eletrônica desde a época áurea de 1975, junto com o nascimento dos primeiros microprocessadores (Intel, Zilog, Motorola, etc) e desde então venho acompanhando sem interrupção os avanços tecnológicos “impostos” pela ciência, trabalhei com profissionais “feras” (muitos hoje aposentados), fui aluno de vários ótimos mestres de tecnologia, dentre eles, Oscar Benedito Jr. do IGT – Instituto Gênesis de Tecnologia - e posso afirmar que pouco sei e tenho muito a aprender diante desta imensa evolução. Nestes 37 anos de “batente”, tive contato também com muitos profissionais contempladores do próprio umbigo, arrogantes e prepotentes, muitos dos quais por diversas vezes foram confrontados e desmascarados diante da antipatia cultuada na comunidade. Observo que um clima de insatisfação aqui se instalou, conforme manifestação do colega Meiraneto e acredito que o mesmo tem seus motivos.


#17 DANIEL MG

DANIEL MG
  • Membros Plenos
  • 99 posts
  • Membro desde 17/04/2007
0
Neutra

Postado 30 de abril de 2007 - 02h56min

É triste saber como existem pessoas ignorantes nesse fórum. Sem querer fazer referência ao PRESENTE Meiraneto! O Nosso grande e velho amigo Kaarell Sim, dá exemplo de brilhantismo e profissionalismo, além de demosntrar grandes conhecimentos técnicos na área. Ao invés de se procupar só com a prática, o problema em si, o Kaarell nos ensina a como nos virarmos em qualquer situação. Realmente, que pena que existem pessoas invejosas por aqui... Amigão, conterrâneo, valeu mesmo, cara.
Voltando ao nosso problema do trafo, quando necessito saber a corrente, alem de lgar empiricamente pelo tamanho do transformador e espessura do fio, olhando em uma tabela, uso um meio mais confiável, ligue um resistor de fio na saída do trafo, de acordo com a tensão dele. Então, faça, diminuindo em degraus o valor do resistor, aumentar a corrente no circuito e meça a tensão no trafo. A partir do momento que a tensão começar a cair muito (EU uso como via de regra cerca de 25%) você saberá que está chegando no LIMITE de corrrente "fornecível" pelo dispositivo (transformador). Qualquer novidade poste aí, veleu? Abraços.


#18 SERGIODUAUDIO

SERGIODUAUDIO
  • Membros Juniores
  • 1 posts
  • Membro desde 30/04/2007
0
Neutra

Postado 30 de abril de 2007 - 12h56min

Caro amigo FR3d,você quer saber onde você pode usar essa trafo ou esta com problema de corrente no circuito do receptor!!!!?


#19 xykoTE

xykoTE

    Moderador

  • Moderadores
  • 3.760 posts
  • Membro desde 28/04/2007
191
Excepcional

Postado 01 de maio de 2007 - 10h53min

Bem, o caso é q tirei esse trafo de um recptor de parabolica Tecsat e ta em perfeito estado.

entrada 110/220, e nas saidas, medi 15v terra 15v - claro q ponta à ponta, 30V.

Mas pra saber onde usa-lo - preciso saber a corrente máxima q ele fornece, e não sei como obter esse dado.

Talvez os mais entendidos do assunto me dêem uma ideia.

Uma foto para referência:


:help:
O cara só tava querendo ajuda para saber onde usar o "bendito" trafo" ! Que tempestade, heim!
Ele é mesmo de 15+15V x 1,8A mas muitas oficinas o substituem por 15+15 x 2A pela facilidade maior de encontrar.
Respondendo sua pergunta, pode utilizá-lo para uma fonte fixa com essas características ou numa fonte de 1,2 a 25V usando o LM317. Neste caso use uma ponte retificadora no enrolamento de 30V do trafo. Consulte o datasheet deste componente http://www.datasheetcatalog.net/pt/datasheets_pdf/L/M/3/1/LM317T.shtml .Bom uso, amigo!

Não respondo dúvidas por e-mail ou mensagem privada.

proXyko